sábado, 15 de março de 2014

O Mistério de Jonas & O Grande Peixe



Um Osni ou um Submarino Atlante?

Lembro-me bem da História de Jonas, pois foi a única que meu pai, quando eu era pequeno,  leu para mim nalguma noite antes de dormir, na velha casa da Vila Curuça Velha em São Miguel Paulista onde moramos por doze anos. Esta história sempre me intrigou e hoje conheço o seu segredo.

O texto biblico diz: "Va'yeman Adonai dag gadol, le'biloá et Yonáh; va'yehi Yonáh bimei ha'dag, shelosháh yamim u'shelosháh leil'Ot (Yonáh pereq 2° passuq 1°)".

וַיְמַן יְהוָה דָּג גָּדוֹל, לִבְלֹעַ אֶת-יוֹנָה; וַיְהִי יוֹנָה בִּמְעֵי הַדָּג, שְׁלֹשָׁה יָמִים וּשְׁלֹשָׁה לֵילוֹת

A tradução aproximada seria: "E enviou o Yud He Vav He grande peixe para engolir a Yonáh (Jonas); e esteve Yonáh nas entranhas do peixe, três dias e três noites (Jonas capítulo 2 verso 1°)".

O segredo de Jonas está oculto no Zôhar de forma esotérica. O Zôhar diz: "Ele viu na barriga do peixe um espaço aberto e as salas de um palácio e os dois olhos do peixe brilhando como o sol ao meio-dia. Dentro dele havia uma pedra preciosa que iluminava tudo ao redor e fez visíveis as maravilhas do fundo do mar".


Que peixe de carne e ossos poderia conter um palácio com salas e iluminado com uma lâmpada alimentada por algum reator de energia desconhecida? Por algum tipo de fusão? Certamente o Zôhar esta revelando uma máquina submarina de tecnologia avançada, possivelmente um OSNI, termo este criado por nós e que possivelmente não vai definir um objeto intra ou extra mundo, talvez até mesmo Atlante. Para evidenciar isto o Zôhar nos oferece outra pista:

"Rabi. Nehorai, o ancião, estava, certa vez, viajando pelo mar. O barco foi destruído em uma tempestade e todos os que estavam nela foram afogados. Mas ele, por algum milagre, desceu até o fundo mar e encontrou ali um país em que viu os seres humanos estranhos de tamanho pequeno. Eles estavam recitando orações, mas ele não pôde entender o que eles estavam dizendo. Por outro milagre ele foi devolvido à superfície e disse."Bem aventurados são os justos que estudam a Torá e conhecem os mistérios mais profundos".

Certamente rabi Nehorai, da mesma forma que Jonas, foi transportado por alguma máquina até Atlântida para testemunhar a sua existência e depois foi devolvido à superfície exatamente como Jonas.

Conclusão:

O "peixe" que engoliu Jonas era alguma espécie de máquina submarina avançada capaz de mergulhar quilômetros no fundo do mar e não qualquer criatura de carne e ossos. Tal máquina possuía iluminação interna e faróis capazes de clarear como o sol do meio dia, a mais profunda escuridão no fundo do mar e revelar os seus mistérios os quais Jonas pode observar de suas duas janelas que eram os olhos de tal "peixe".

Isto não te lembra "20.000 Léguas Submarinas?" Não seria possível que Jules Verne tenha estudado o Zôhar e encontrado nele este segredo?


Jules Vernes autor de 20,000 Léguas Submarinas